Você já deixou de ir a uma festa, com medo de encontrar o brigadeiro?

 

Algumas pessoas dizem que carregamos em nossos ombros, ao lado de cada ouvido, um anjinho e um diabinho: o anjinho, sempre incentivando a fazer o que é certo e levar uma vida cheia de promessas cumpridas. Já o diabinho, adora nos desviar do foco. Pra ele, viver bem é quebrar as regras o tempo todo! Bem, se você tem o objetivo de adotar hábitos saudáveis, sair da linha de vez em quando na hora de comer, pode não fazer mal, se isso ocorrer de forma esporádica e controlada.

O que queremos trazer hoje é a seguinte questão: é possível ser fitness vivendo em um mundo cheio de tentações? São tortas, doces, massas…calorias para todos os lados. E praticamente comemoramos tudo com comida e bebida. Dá pra resistir?

A resposta é SIM. Sabe por quê? Porque da mesma forma que as receitas junk evoluíram para testar nossa força de vontade, as receitas light, também mudaram muito. Se a gente souber aproveitar e tiver boa vontade, a comida se torna nossa maior aliada!

O próximo raciocínio vai depender um pouco da sua faixa etária (por aqui, beirando 45), mas o fato é que um tempo atrás, fazer dieta era tão sem graça!! Se você queria emagrecer a restrição era maior e as opções eram menores. Houve um tempo em que não se falava em tapioca. Batata doce era coisa das receitas das avós e cogitar comer mais de 2 ovos por dia, te colocava numa lista imaginária de risco de vida. Como as coisas mudaram! Imagine que os grãos integrais, que naquele tempo mal estavam na pirâmide alimentar, hoje fazem parte da base.

O que precisa estar bem de acordo para a dieta dar certo: é você. O seu propósito, sua força de vontade e a curiosidade em conhecer sabores leves (e se surpreender com eles). Uma coisa é certa, se você decidir evitar todos os lugares e eventos nos quais há pratos calóricos presentes, as chances de você não sair mais de casa são grandes.

E assim saímos em busca de um desafio: achar receitas que não pesem na consciência em um dos lugares mais gostosos de Guarapuava para se lanchar e almoçar, O Cantinho do Sabor. O Sr. Domingos Sakata e sua família já são famosos por aqui. Visitamos o Cantinho com a missão de encontrar receitas leves entre todas as gostosuras servidas ali e acabamos achando mais do que isso: histórias inspiradoras.

Começamos a conversa com Dona Maria, esposa do seu Domingos, que é a desenvolvedora dos sabores. “Nos mudamos para Guarapuava em 1.999 e, no dia 8 de maio de 2.000, abrimos o Cantinho do Sabor. Onde morávamos já tínhamos uma cafeteria, e surgiu a ideia de continuar o sonho aqui também. Começamos com doces e salgados e, no ano seguinte, iniciamos com almoços por sugestão do Domingos que queria agradar ao público que gosta de comida caseira. Há 9 anos, quando nossa filha Nathalia começou a cuidar da dieta, passamos a inserir itens light no cardápio, como saladas no buffet, sanduíches naturais, bolos integrais, bolos sem lactose e pães integrais (aliás, tudo feito com farinhas da Agrária). Enfim, resolvemos diversificar tanto para apoiar nossa filha, quanto para o público que também precisasse ou quisesse cuidar da alimentação.” Dona Maria encerra falando que cozinha para o cliente como se fosse para a família dela, com o mesmo carinho e capricho de quem faz para si mesmo.

Mal estávamos nos recuperando desse depoimento tão gostoso, e chegou a super Nathalia Sakata, com seu sorriso simpático, e, gentilmente, dividiu um pouco da sua história conosco, nos ajudando a responder definitivamente a questão: Dá pra resistir? SIM!

Ela diz: “Eu sempre fui uma criança gordinha mesmo na época em que não comia tanto. O tempo foi passando e estava ficando mais difícil emagrecer. Tentei vários métodos, mas não vencia essa luta. Quando fiz 18 anos, estava com 120 quilos, início de diabetes e pressão alta. Nessa época meu cardiologista falou que eu precisava de uma mudança, não tinha mais como continuar daquele jeito. Acabei optando pela cirurgia bariátrica. Fiz um ano de preparo psicológico para isso, pois precisaria cuidar da alimentação pelo resto da vida para não voltar a engordar. Tive que aprender a pensar de outra forma, pois eu amo comer. Entendi que mesmo estando cercada por tudo que adoro comer, preciso escolher o que me faz bem. Uma vez por semana, me permito um alimento que eu adoro para degustar. Em seguida, volto à rotina normal. Não é fácil, mas foi uma decisão importante e que me faz cada dia mais feliz.” Encerra Nathalia, dando um show de disciplina.

Que família nota mil! Certamente, o reflexo de todo capricho que eles têm no seu trabalho, está no sucesso que fazem com suas receitas, pois quem já provou do Cantinho do Sabor, guarda um cantinho no coração especialmente pra ele.

 


RECEITA

Bolo light do Cantinho do Sabor

Ingredientes

  • 3 bananas maduras;
  • 3 maçãs médias;
  • 3 ovos;
  • ½ xícara de uvas passas;
  • 1 e ½ xícara de Farinha de Trigo Integral Fina Especialíssima;
  • 1 xícara de aveia em flocos finos;
  • ½ colher (sopa) de canela em pó;
  • 1 colher (sopa) fermento em pó;
  • 6 colheres (sopa) de manteiga.

 

Modo de preparo:

  • Bata todos os ingredientes no liquidificador, menos a uva passa;
  • Quando a mistura estiver bem homogênea, adicione as uvas e misture com uma colher;
  • Asse por 40 minutos em forno a 180°C e teste com um palito.

 

Vale lembrar que esse bolo é totalmente sem açúcar (ingrediente que age como um tipo de conservante) e que leva bananas maduras, então, é melhor ser guardado na geladeira e consumido em até 2 ou 3 dias. Daí é só degustar, como tudo na vida, moderadamente, embora a leveza da receita fique clara já na primeira mordida. Esse é um dos ótimos exemplos de que fazer dieta hoje em dia, já não é mais sem graça.

 

 

Edição Digital Grátis!
Assine nossa newsletter
Baixe a edição digital da revista gratuitamente e receba as próximas edições, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail.
CADASTRAR
Não enviamos spam e você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor deixe seu comentário!
Por favor informe seu nome