No dia 20 de novembro, celebra-se o dia do biomédico. Conheça esse profissional que atua em diversas áreas 

 

Biomédicos, parabéns pelo seu dia!

A Revista + Saúde parabeniza todos os profissionais dessa área tão abrangente.

A biomedicina, até então presente mais nos “bastidores” dos hospitais e clínicas, hoje atua em diversas frentes, e conquista cada vez mais espaço. O profissional biomédico compromete-se com o diagnóstico e também com a pesquisa de doenças, exames clínicos e desenvolvimento de tratamentos.

A carreira de biomédico tem 40 anos de regulamentação e possui um leque de atuações: ao todo são 30 áreas, dentre elas, análises clínicas, ambientais, biologia molecular, genética, reprodução humana, acupuntura e, mais recentemente, a de fisiologia do esporte. “A fisiologia do esporte tem alta procura. Essa habilitação vem para que o biomédico possa somar dentro de equipes esportivas de saúde de um time de futebol ou de uma academia de dança, por exemplo, para que possamos, através de resultados laboratoriais, quantificar alguns parâmetros e potencializar o rendimento do atleta”, explica a biomédica e presidente do Conselho Regional de Biomedicina Janaína Naumann (CRBM6 – 0001).

Devido seu poder de atuação em diversos segmentos, o biomédico torna-se muito relevante para a promoção da saúde. “Ele pode trabalhar no apoio ao diagnóstico, nas análises clínicas, no diagnóstico por imagem, na estética, na biologia molecular e em muitas áreas, sem deixar de lado a docência e a pesquisa”, ressalta Janaína. 

Pode-se dizer que o Paraná é pioneiro em biomedicina, visto que um dos primeiros cursos de biomedicina ofertados no Brasil foi o da Universidade Estadual de Londrina, criado na década de 1960. Em Guarapuava, o cargo de biomédico foi criado em setembro do ano passado. Contudo, infelizmente, muitos municípios ainda não contam com o cargo regulamentado, o que acaba restringindo muitos serviços.

É por isso que o Conselho Regional de Biomedicina (o qual Janaína preside) está solicitando aos demais municípios do estado a criação do cargo, de maneira a valorizar o trabalho do profissional. Atualmente, está tramitando a solicitação do Conselho para a criação do cargo de biomédico no estado do Paraná. “Isso dará condição ao biomédico para realizar processos seletivos a nível estadual, por exemplo, com a Sanepar, para análise de água, já que análise ambiental é uma das nossas habilitações. E para trabalhar em diversas áreas que estão ligadas ao governo do estado”, comenta a biomédica. 

 

Mulheres Biomédicas

Apesar das mulheres representarem grande parte das profissionais da área, elas não estão tão presentes nos cargos administrativos. A biomédica Janaína é a única presidente mulher dentre os seis Conselhos Regionais da área. Além disso, muitas profissionais acabam abandonando a carreira por conta da vida pessoal. 

Um dos projetos de Janaína para lidar com essa questão é o Mulheres Biomédicas. “O intuito é que as mulheres possam repassar suas experiências para colegas ou futuras colegas, e assim ajudar para que cada vez mais mulheres também consigam conciliar suas inúmeras tarefas do cotidiano, como ser profissional, mãe, esposa, administrar a casa, dentre outras atividades. De forma a entender que a vida profissional delas não deve ser prejudicada e, principalmente, que elas foquem no que querem, que entendam onde vão chegar e, consequentemente, consigam alcançar esse objetivo”. 

Já com a hastag #somostodosaúde Janaína reforça a importância da integração entre as áreas da saúde. “Eu tenho o projeto #somostodossaúde e a ideia é que todo profissional, seja ele biomédico, médico, dentista, fisioterapeuta ou qualquer profissional da saúde, valorize todas as áreas e propague o que o outro faz como algo importante”, afirma.

 

Edição Digital Grátis!
Assine nossa newsletter
Baixe a edição digital da revista gratuitamente e receba as próximas edições, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail.
CADASTRAR
Não enviamos spam e você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor deixe seu comentário!
Por favor informe seu nome