Como manter a saúde dos olhos em plena era digital

 

A vida moderna tem lá seus benefícios. Temos todo tipo de informação a apenas alguns cliques. Estamos cada vez mais informados e socialmente interados. Temos o mundo inteiro ao nosso alcance. Claro, a vida é muito mais conveniente do que trinta anos atrás, por exemplo, mas o que essa mudança está fazendo conosco? Com tamanha tecnologia, cada vez mais acessível, é difícil não estar, de alguma forma, inserido na ”rede”. E a nossa saúde como fica? O uso abusivo da tecnologia está fazendo com que surjam novos problemas de saúde. Síndromes e doenças diversas têm aparecido junto com a compulsão pelo uso de aparelhos celulares, computadores, tablets, vídeo-games e tantos outros dispositivos eletrônicos. Em meio a tudo isso, a saúde da nossa visão é uma das mais afetadas diretamente.

É fato comprovado que o uso excessivo do computador e do celular traz prejuízos à visão. Segundo o oftalmologista Guilherme Araújo, mais de 90% dos usuários de computador e dispositivos eletrônicos enfrentam um problema comum chamado síndrome da visão de computador. Essa síndrome tem sintomas altamente prejudiciais como visão turva e diminuída, queimação e ardor nos olhos, olhos vermelhos, sensibilidade à luz, dores de cabeça, dores nas costas e pescoço. “A síndrome é causada pela má lubrificação dos olhos, devido ao fato dos indivíduos piscarem menos, e também ao esforço à visão de perto quando estão trabalhando no computador ou fazendo uso de tablets ou celulares por horas seguidas”, explica o oftalmologista.

Problema que não afeta apenas os adultos que trabalham em frente ao computador, mas também às crianças e adolescentes que fazem uso excessivo da tecnologia eletrônica nas horas de lazer. De acordo com o oftalmologista, estudos têm mostrado que o esforço visual para realizar atividades de perto (leitura, uso de celular para acessar internet e envio de mensagem) por tempo prolongado, podem aumentar as chances de desenvolvimento de defeitos visuais, como miopia, principalmente nas crianças. “Quando fazemos um esforço para focalizar imagens para perto por um tempo muito longo, podemos gerar uma miopia transitória, onde a visão para longe fica embaçada por um período. Estudos realizados em crianças mostram um aumento significativo na incidência de miopia nos últimos anos. Acredita-se que o maior uso de computador e videogames tem influenciado esse resultado”, ressalta.

 

Como posso saber se minha visão está afetada?

Segundo o oftalmologista, dores de cabeça, olhos secos, vermelhos, lacrimejantes, sensação de areia nos olhos, vontade de piscar mais, já podem ser alertas de que os aparelhos eletrônicos começaram a afetar sua visão. A necessidade de aumentar o grau dos óculos, e a sensação de que a lente de contato está incomodando também são resultados do uso excessivo de computadores e celulares.

 

 O que fazer?

 Cuidados simples e mudanças de atitude em seu ambiente de lazer ou de trabalho podem deixar sua vista mais preparada para um uso controlado da tecnologia. Além de diminuir o uso dos aparelhos eletrônicos, outras atitudes também podem evitar os transtornos de visão. Confira algumas dicas passadas pelo oftalmologista:

– Use o computador com brilho baixo de tela;

– Cuide da iluminação do ambiente. Luzes muito fortes não são recomendadas;

– Procure não ter o ar-condicionado ou ventilador muito próximo do seu rosto;

– Faça pausas de 1 a 5 minutos a cada hora;

– Feche os olhos por um tempo e depois procure fixar objetos que estejam a pelo menos seis metros de distância;

– Use colírios e lubrificantes;

– Se usar óculos, procure sempre estar com o grau atualizado.

 

Por: Camila Neumann

Edição Digital Grátis!
Assine nossa newsletter
Baixe a edição digital da revista gratuitamente e receba as próximas edições, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail.
CADASTRAR
Não enviamos spam e você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor deixe seu comentário!
Por favor informe seu nome