a doctor checking the heartrate of a girl

A doença é uma inflamação dos pulmões, causada por vírus, bactérias ou fungos

Uma tosse aqui, outra tosse ali. Pode ser assim que infecções se instalam e se manifestam nos nossos pulmões, podendo acometer a região dos alvéolos pulmonares. Basicamente, a doença é provocada por penetração de algum tipo de agente infeccioso, conforme explica o médico alergista e imunologista clínico Gilberto Saciloto (CRM 5303/RQE 12539). “Entre os principais sintomas estão a tosse, eventualmente com expectoração, desconforto respiratório e dificuldade para respirar (dispneia)”, ressalta.

A pneumonia não é uma doença contagiosa e nem transmissível e por se tratar de uma doença multifatorial, que envolve agressividade do agente causal, muitas vezes, não é possível prevenir. “Porém, em grupos de pacientes saudáveis, mas com suscetibilidade para doenças como crianças e idosos a prevenção se faz importante. Temos vacinas eficientes nestes grupos, por exemplo”, afirma Saciloto.

É necessário tomar cuidado com fatores de risco, como:   

  • Fumo;

●       Álcool;

●       Ar-condicionado;

●       Resfriados malcuidados;

●       Mudanças bruscas de temperatura;

●       Imunidade baixa.

“A pneumonia pode ser fatal, mas felizmente a maioria dos casos são tratáveis. Além disso, em função do nível imunológico, crianças e idosos são mais afetados com a doença. As crianças são seres em processo de ganho e idosos, pelo contrário, estão em processo de perda imunológica”, destaca o profissional que reafirma a necessidade de cuidado redobrado com ambas as idades.

Edição Digital Grátis!
Assine nossa newsletter
Baixe a edição digital da revista gratuitamente e receba as próximas edições, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail.
CADASTRAR
Não enviamos spam e você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor deixe seu comentário!
Por favor informe seu nome