Dente Escurecido

Você sabe o que é e como é realizado?

Seu sorriso pode revelar muito sobre você, sua personalidade e estado de humor. Alterações na coloração dentária são relativamente comuns, e para você sorrir seguro e satisfeito, o clareamento dental é uma ótima opção quando bem indicado.

Uma pergunta que os pacientes costumam fazer aos seus dentistas é com relação à eficácia do clareamento, será que ele realmente funciona? “Depende. O clareamento é um tratamento e como tal deve ter indicação específica. Por exemplo, pacientes com restaurações extensas em áreas estéticas (dentes da frente), próteses, facetas, dentes com escurecimento interno, não são clareados com o procedimento convencional”, responde a cirurgiã-dentista, Drª. Priscila Ryzy.

Mas e daí? Não tem solução? Calma. Priscila diz que tudo é questão de um bom diagnóstico. “No caso em que o paciente tenha prótese será necessário trocar após o clareamento, as facetas e restaurações também”, explica.

Já os dentes com escurecimento dental interno o tratamento é diferenciado. Entenda o porquê.

O escurecimento, segundo a cirurgiã-dentista, ocorre pelas mais variadas razões, como traumatismos, medicação dentro do canal, derramamento de sangue na estrutura interna dos dentes, entre outras causas. São nesses casos, onde o paciente necessitou de passar por um tratamento de canal, que se observa com mais freqüência a mudança da cor, passando a ser de amarelado a acinzentado. O tratamento de dentes escurecidos é possível através de métodos de clareamento específico.

Clareamento InternoEste tipo de clareamento, chamado de clareamento interno, de acordo com Priscila, é realizado por dentro do dente, onde o agente clareador é colocado e fechado, o clareamento ocorre de dentro pra fora. “A técnica poderá ser realizada de várias maneiras, podendo durar uma,  duas ou até três sessões, dependendo da dificuldade encontrada para chegar a cor desejada”, esclarece.

A estabilidade da cor após o tratamento é variável, o paciente deve seguir as recomendações do dentista. “Com a cor do dente estabelecida é removido todo o agente clareador e feito uma restauração final no local”, afirma a profissional.

 

Segundo a cirurgiã-dentista, o clareamento dental interno não gera sensibilidade, pois o dente em questão está com o canal tratado (com tratamento endodôntico), ou seja, a inervação do dente que se localiza dentro do canal não existe mais, portanto neste caso é improvável ter sensibilidade.

O tratamento bem realizado propõe um grande sucesso, pois harmoniza o sorriso. “Quando bem indicado é uma solução eficaz. Por isso vale a dica: se você está insatisfeito com o seu sorriso procure um cirurgião dentista e veja as possibilidades de tratamento que existem. Com certeza vai ter alguma que seja viável e deixará seu sorriso mais bonito e com saúde”, ressalta Priscila.

Edição Digital Grátis!
Assine nossa newsletter
Baixe a edição digital da revista gratuitamente e receba as próximas edições, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail.
CADASTRAR
Não enviamos spam e você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor deixe seu comentário!
Por favor informe seu nome