Calçado de salto X Varizes

Mito ou Verdade?

Boa parte da população reclama das varizes e microvarizes presentes em suas pernas e pés, principalmente o público feminino. As veias dilatadas incomodam, seja pelos sintomas, estética ou pelo medo das complicações que podem ocasionar à saúde.  Algumas mulheres acreditam que usar calçado de salto ajuda ao aparecimento das varizes. Será verdade ou apenas um mito? O Angiologista e Cirurgião Vascular, Fábio Bellizzi, responde esta pergunta e muitas outras. Confira!

+ SaúdeO que são varizes?

Fábio – Varizes vêm do latim “varix” que significa serpente. Varizes são veias tortuosas e dilatadas com alterações definitivas e não reversíveis de suas propriedades funcionais e anatômicas.

+ Saúde – Quais as diferenças entre varizes e microvarizes?

Fábio – Microvarizes são pequenas veias de 1 a 2 mm que não causam saliência na pele, já as varizes são salientes com calibre maior e tortuosas.

+ Saúde – Quais são os fatores que causam a dilatação da veia?

Fábio – Os principais fatores são sedentarismo, obesidade, pessoas que carregam muito peso, alteração do colágeno, causa ambiental, ou seja, pessoas que permanecem muito tempo de pé ou sentada em uma mesma posição, gravidez repetidas, clima quentes. O sexo feminino tem maior incidência do que o sexo masculino.

+ Saúde – Usar calçado de salto, preferência do público feminino, diariamente ajuda ao aparecimento das varizes e microvarizes?

Fábio – Não. Porém o uso excessivo e prolongado de saltos pode prejudicar o bombeamento sanguíneo pela panturrilha, então, sempre após o uso destes sapatos o ideal seria a realização de alongamento da musculatura da panturrilha.

 + Saúde – Ficar muito tempo de pé ou sentado na mesma posição influência para o surgimento das varizes?

Fábio – Sim. Ocorre pela dificuldade de retorno do sangue que está nas pernas para o coração (estase sanguínea). Por isso, o método de prevenção é o uso diário da meia elástica com pressão graduada.

+ Saúde – Quais são os sinais e sintomas de quem sofre de varizes?

Fábio – Sensação de peso nas pernas, câimbra no período vespertino, dor local, inchaço. Nas varizes mais graves podemos observar o aparecimento de machas escuras nas pernas (dermatite ocre), coceira, endurecimento da pele (lipodermatoesclerose) e por fim o aparecimento de úlceras (feridas que surgem nas pernas) causadas pela insuficiência venosa crônica.

+ Saúde – Qual é a melhor maneira de prevenção das varizes?

Fábio – É importante fazer exercícios físicos que estimulam a musculatura de panturrilha e ajuda a diminuir a pressão hidrostática da perna, como caminhar, correr, pedalar, entre outros aeróbicos. Evitar exercícios que podem causar traumas repetitivos. Evitar a obesidade, múltiplas gestações e o uso de anticoncepcionais.

+ Saúde – Qual é o tratamento para se livrar das varizes e microvarizes?

Fábio – Dependendo do grau e do comprometimento podemos optar pelo tratamento clínico e cirúrgico. O tratamento clínico principalmente para redução dos sintomas e prevenção de novas varizes. Para as microvarizes e varizes menores usamos o método de escleroterapia (secar vasos) com substâncias químicas ou pelo laser. Já para as varizes o tratamento cirúrgico é o mais indicado, podendo ser feito através de pequenas incisões na pele para a retirada da veia ou através de EVLT (laser endo-venoso).

Edição Digital Grátis!
Assine nossa newsletter
Baixe a edição digital da revista gratuitamente e receba as próximas edições, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail.
CADASTRAR
Não enviamos spam e você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor deixe seu comentário!
Por favor informe seu nome