Conhecida por seus benefícios, a cúrcuma é a especiaria que dá ao curry a cor amarela

A cúrcuma, uma raiz da família do gengibre, é possivelmente uma das substâncias da natureza mais benéficas para a saúde humana. Originária do sudeste da Ásia e cultivada no Brasil, a cúrcuma é utilizada como planta medicinal há cerca de 6 mil anos. De acordo com a nutricionista Ana Raíssa Orloski, é popularmente conhecida como açafrão-da-terra. “Devido a isto, acaba sendo muitas vezes confundida com o açafrão, uma das especiarias mais caras do mundo, raramente encontrado em nosso país. Portanto, quando encontrar no mercado, provavelmente estará se referindo ao açafrão-da-terra, ou seja, a cúrcuma”.

Devido ao seu potencial anti-inflamatório, a cúrcuma auxilia também na recuperação muscular de praticantes de atividade física. “Estudos apontam diversos benefícios, dentre eles o auxílio na regulação da pressão arterial, redução do colesterol e triglicerídeos, proteção ao fígado, efeito diurético, melhora na saúde cerebral e ação antidepressiva, regulando o sono e humor. Mas atenção, seu uso não é recomendado durante a gestação”, afirma a nutricionista.

 

Como posso utilizar a cúrcuma?

Encontrada facilmente na forma de pó, pode ser adicionada em preparações como arroz, carnes, refogados, omelete, sopas, molhos, tortas e outros. A quantidade fica a seu gosto! Segundo Ana Raíssa, uma colher de café já é suficiente para temperar. Também pode ser utilizada na forma de chá, através da infusão de um pedacinho da raiz para uma xícara de água. A suplementação, empregada na forma de cápsula ou tintura, por exemplo, precisa de acompanhamento nutricional ou médico.

A cúrcuma é caracterizada pela cor amarelo alaranjada. É muito utilizada como corante natural e é um dos ingredientes fundamentais para a elaboração curry. Além de cor, confere também sabor e aroma marcante aos pratos.

A nutricionista sugere a inclusão da cúrcuma nas preparações do cotidiano. Revela ainda que é possível aumentar a biodisponibilidade da curcumina, potencializando consequentemente seus benefícios. Para tal é preciso o uso concomitante com a piperina, presente na pimenta preta, e ambas devem ser adicionadas no final da preparação, pois o calor pode reduzir a ação destes princípios ativos. Ou seja, para obtermos melhores benefícios devemos consumir a cúrcuma junto com a pimenta preta.

 

Receita prática para o dia a dia

Refogado de frango

Ingredientes:

  • 1 peito de frango em pedaços
  • 1 cebola picada
  • 1 dente de alho picado
  • 1 pimentão vermelho/amarelo em cubos sal à gosto
  • 1 colher de chá de cúrcuma em pó
  • Pimenta preta a gosto
  • Um fio de azeite de oliva

Modo de preparo:

Tempere o frango com sal. Aqueça uma frigideira com o azeite e refogue o frango e a cebola. Junte o alho e o pimentão. Se necessário adicione um pouco de água. Ao final da preparação peneire a cúrcuma e a pimenta. Misture bem. Sugestões de acompanhamento: folhas verdes, arroz ou massa.

Edição Digital Grátis!
Assine nossa newsletter
Baixe a edição digital da revista gratuitamente e receba as próximas edições, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail.
CADASTRAR
Não enviamos spam e você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor deixe seu comentário!
Por favor informe seu nome