Alimentos em benefício do antienvelhecimento

Proteína produzida naturalmente pelo organismo, o colágeno representa mais de 30% do total de proteínas do corpo. Ele é responsável pela saúde da pele, cabelo músculos e unhas.

Com o passar dos anos, o corpo pode sofrer algumas privações desta substância, ficando carente de vitaminas e proteínas. Dos primeiros anos até a puberdade, essas deficiências não são visíveis e nem mostram suas evidências, diferente da maturidade onde a falta de elasticidade na pele se torna mais notável. “A partir dos 30 anos já ocorre uma diminuição na produção de colágeno e aos 50 anos nosso organismo produz apenas aproximadamente 35% desta proteína”, explica a nutricionista, Silmara Antoniassi Pereira.

Além de ser responsável pela elasticidade da pele, saúde do cabelo e unhas, o colágeno em deficiência no organismo, denominado colagenoses, acomete problemas como má formação óssea, rigidez muscular, problemas com o crescimento, entre outros.

Alimentos que mais contêm esta substância são os ricos em proteína animal, como a carne vermelha, peixe e frango. Segundo a nutricionista, a proteína vegetal que exerce função mais parecida com a da proteína animal é a soja. Outro alimento indicado para a reposição do colágeno no organismo é a gelatina, indiferente da escolha do sabor. No entanto, Silmara ressalta que “após os 50 anos, e antes disso quando se tem a presença de estresse, queda de cabelo, piora na elasticidade e viço da pele, é indicado a suplementação do colágeno”.

O colágeno hidrolisado é o mais indicado para a suplementação da substância. Conforme a nutricionista, o processo de hidrólise quebra as moléculas de proteína que em tamanhos menores são mais facilmente absorvidas, diferente do colágeno da gelatida onde as proteínas tem uma absorção menor pelo organismo.

A proteína hidrolisada não tem sabor. Segundo Silmara, para pontencializar a sua ação é recomendado ingerir junto com uma fonte de vitamina C, como suco de laranja, limão, acerola, entre outros. O consumo de bastante líquido também faz a diferença. “É importante tomar no mínimo 2 litros de água por dia para cumprir todas as necessidades básicas do corpo e associar a reposição do colágeno a uma alimentação saudável”, afirma Silmara.

Edição Digital Grátis!
Assine nossa newsletter
Baixe a edição digital da revista gratuitamente e receba as próximas edições, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail.
CADASTRAR
Não enviamos spam e você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor deixe seu comentário!
Por favor informe seu nome